30 anos de Portojóia: joalharia portuguesa apresenta-se na Exponor de 26 a 29 de setembro

A celebrar a sua 30ª edição, a Portojóia – Feira Internacional de Joalharia, Ourivesaria e Relojoaria aposta em iniciativas paralelas com o objetivo de fomentar parcerias exclusivas entre marcas e setores, partilha de boas práticas entre profissionais e ainda uma visão global sobre as tendências que influenciam o mercado.

Afirmando-se como a maior montra de joalharia, ourivesaria e relojoaria em Portugal, a Portojóia regressa à Exponor, de 26 a 29 de setembro, para celebrar a sua 30ª edição. Com o mote “Roots & Wings”, o evento, dirigido a profissionais, homenageia as raízes da arte e da tradição portuguesa ao mesmo tempo que projeta a nova geração que desenha o futuro do setor.

Destaque para a iniciativa “Arts  & Jewels”, que apresenta as colaborações exclusivas entre marcas de joias e criadores de outros setores, neste caso a moda, decoração, design e artes plásticas: a Eugénio Campos aliou-se à designer de moda e modelo Diana Pereira; Liliana Guerreiro, designer de joalharia contemporânea apresenta uma criação em parceria com a icónica marca de sabonetes e produtos perfumados Castelbel; a também designer Telma Mota uniu-se à marca de design de produto Madre e o joalheiro André Rocha juntou-se ao artista plástico Pedro Guimarães. O objetivo é inspirar a criação de novos produtos, com vista ao desenvolvimento de novas áreas de negócio.

Com o objetivo de inspirar e fomentar a partilha de conhecimento, esta edição volta a apresentar o espaço “Jewel’s Labs”, em que quatro marcas sugerem novos conceitos de exposição e vitrinismo, dirigidas ao retalho, funcionando como protótipos de inspiração para as ourivesarias. São convidadas desta edição a concept store Scar ID e as marcas de joalharia Mesh, Mimata e Wings of Feeling.

Os holofotes estarão também apontados para o “Trend Spot”, espaço de tendências, com uma curadoria de peças que representam os novos movimentos criativos: ​​“Roots & Wings” reflete a vontade de regressar às raízes e à essência para projetar o futuro; “Mentes Viajantes” remete para o cruzamento de lugares, experiências e culturas; “Soft Power” transmite a necessidade de desligar do stress quotidiano e “Espiritualidade” fomenta a ligação a um estilo de vida mais introspetivo e reflexivo.

Seguindo o novo conceito de feiras da Exponor Exhibitions, a Portojóia quer afirmar-se como observatório de tendências e plataforma de sinergias dentro e fora do setor. Para Amélia Estevão, Diretora de Produto, “numa altura em que o mercado global aproxima as marcas, o papel das feiras, como o vemos, é o de aproximar pessoas, gerar interação, estabelecer parcerias e criar oportunidades de negócios, bem como servir de motor para a evolução do setor, através da partilha de conhecimento e de tendências que inspirem as marcas e os profissionais”.       

A edição anterior da Portojóia reuniu mais de 10.000 visitantes e 165 expositores, entre eles 25 marcas internacionais e 35 jovens designers, uma aposta recente do certame e que vem vindo a crescer, ano após ano, reflexo de um setor em renovação.

Garanta a sua visita, peça aqui o seu convite profissional gratuito.

Spread the love

Sempre Conectado

Criamos pontes de contacto, incentivamos sinergias, aproximamos pessoas.
Exponor Exhibitions. Bringing People Together.